K-TZ_Musica_para_Percussao.html
Música para percussãoK-TZ_Musica_para_Percussao.html
 
 

O grupo K-TZ têm o seu inicio em 1997 com a reunião de quatro músicos provenientes de diferentes estados do Brasil e que se reuniram durante o curso de Bacharelado em percussão da Universidade Federal de Santa Maria (RS) na classe dos professores Dr. Ney Rosauro e Dr. Gilmar Goulart.

Neste período o grupo realizou uma série de trabalhos no laboratório de percussão da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e no laboratório de Teatro Experimental Universitário desta mesma instituição, resultando na composição de trilhas sonoras para teatro (“Querelle”, de Jean Genet, “Catástrofe”, de Samuel Becket, “Os Tambores Silenciosos”, de Josué Guimarães, entre outros), realização de diversos concertos com enfoque para o repertório da música contemporânea para percussão e o começo de uma concepção de interpretação e composição de obras para percussão.

O repertório do grupo K-TZ abrange diversos estilos e compositores no contexto da música contemporânea, tais como John Cage, Ney Rosauro, Minoru Miki, Neboszja Zivcovic, Bertold Hummel, Toru Takemitsu, Iannis Xenakis, Koos Terpstra, André Jolivet, Marco Antônio Guimarães, Thierry de Mey, Marcel Wengler, Steve Reich, Oswaldo Lacerda, Mark Ford, Keiko Abe, Hans Ulrich Lehmann, Luís Carlos Cseko, Eduardo Seincman, Guimarães Álvares, Emmanuel Séjourné, entre outros, além de releituras de compositores já conhecidos da história da música, tais como Bach, Debussy e Ravel, arranjos de compositores da música popular brasileira (Hermeto Paschoal, Tom Jobim, Egberto Gismonti, Milton Nascimento), música de improvisação, além de composições de seus integrantes.

O grupo K-TZ participou de diversos encontros nacionais e internacionais de percussão apresentando-se em várias cidades, tais como Santa Maria, Porto Alegre, Londrina, Campinas, São Paulo, Brasília, Resistência Del Chaco (Argentina), Montevideo (Uruguai), além de concertos na Europa em Strasbourg e Harras, na França, e na cidade de Luxembourg. Em 2005 foi finalista da International Percussion Competition Luxembourg, onde interpretou na prova final a obra “Quadrifoglio” para quarteto de percussão e orquestra do compositor luxemburguês Marcel Wengler, acompanhado pela Orchestre de Chambre du Luxembourg sob regência de Nicolas Brochot.

Atualmente o conjunto continua suas pesquisas na busca de novos autores e na criação de suas composições originais e desenvolve em Brasília um projeto de concertos ao ar livre junto à comunidade das cidades satélites do DF com suporte do FAC (Fundo de Apoio à Cultura) da Secretaria de Cultura do Distrito Federal.

O grupo promove também, desde 2007, um curso de férias durante o inverno destinado a percussionistas e amadores onde a escuta e a prática da música contemporânea, assim como o trabalho em grupo, são desenvolvidos.

 
O Grupo K-TZ
MenuK-TZ_Musica_para_Percussao.html
Deixe sua mensagem aquihttp://ktzteste.ktzperc.com/Gbook
Página AnteriorBiografia_musicos_KTZ.html